domingo, 6 de junho de 2010







Corpo quente
Em momento enlevante
Beijo escaldante
Ternura própria de amante.
Nos lábios paira o pedido
O repetir do já esquecido
O toque de fogo ainda ardente
O desejar de uma loucura
Num olhar cúmplice, quase doente
Num rasgo lânguido de ternura.
Novamente o encontro de corpos
Num leito banhado em luar
Novamente o estender da mão
Num toque de emoção
Para tentar....
O amor agarrar.




Garça Real




18 comentários:

Lis. disse...

Do calar.

Às vezes basta ouvir o silêncio,
e paciente tudo muda de lugar.
Andando na esquina do calar
foi ali que nos perdemos.

Lis.

Sonhadora disse...

Minha querida
lindo poema, muita sensualidade.

Beijinhos
Sonhadora

Pena disse...

Sublime e Perfeita Poetiza Amiga:
Um delicioso e fantástico poema lindo de amor.
"...Nos lábios paira o pedido
O repetir do já esquecido
O toque de fogo ainda ardente
O desejar de uma loucura
Num olhar cúmplice, quase doente
Num rasgo lânguido de ternura..."

A sua sensibilidade é magistral de encanto.
Um poema divinal feito por mãos de ternura, as suas.
Excelente!
É uma brilhante poetiza de fascínio que maravilha.
Beijinhos agradecidos pela sua amizade.
Com respeito, estima e consideração.
É repleta de maravilha no que concebe com génio.
Sempre a admirá-la

pena

Bem-Haja amiga, lindo fim-de-semana lhe desejo.
Parabéns sinceros.
Adorei.

Multiolhares disse...

Fecha os olhos estende a mão que a emoção do amor vai encontrar o teu coração
beijinhos

O Árabe disse...

Quente, poético e sugestivo. Belo poema! Boa semana, amiga.

poetaeusou . . . disse...

*
Amiga,
como sonhei
nas tuas palavras
ardentes lavradas
onde mergulhei !
,
um mar de estima
entrando no lago,
vuvuzando pililipares,
,
*

lynce disse...

Espero não me ter enganado na casa...
Por acaso é a menina que não consegue colocar o link na caixa de comentários do meu blogue? Se a resposta for positiva, é fácil resolver essa questão, no local onde diz "não tem conta no sapo", sinalizas e vai aparecer um campo que pede o url e o email. Então é só colocar o endereço correcto do teu blogue e aparece o link.
Se por acaso me enganei na porta, peço imensa desculpa.

MEU DOCE AMOR disse...

Corpo quente em beijos escaldantes...o encontro com emoção...

E essa imagem...bommmm...

Estou adorar estes poemas.

Beijinho doce:)

gaivota disse...

mergulhando...palavras de luar estendendo a mão para agarrar a vida!
beijinhos

Nilson Barcelli disse...

Belíssimo e sensual, querida amiga. Gostei do teu poema e das tuas palavras enlevantes... escaldantes...
Beijos.

Sofá Amarelo disse...

É uma permanente procura... agarrar o amor que muitas vezes se esfuma por entre os dedos das mãos estendidas...

Pena disse...

Estimada e Linda Amiga:
Um poema divinal saído da sua cartola mágica de deslumbre e talento.
Um poema de amor delicioso, terno e fantástico.
Tem uma sensibilidade poética linda. Sublime de fascinar e maravilhar.
"Potes" de beijinhos de pureza e ternura imensas.
Sempre a admirar o que faz e faz maravilhosamente.

pena

Excelente!
Bem-haja, fabulosa poetiza amiga de encantar.
Adorei.

Lis. disse...

Imagino que o amor começa no amar.
Talvez, por isso muita gente se faz...

Eu não queria absolutamente nada, nada mesmo, pois jamais me faltou absolutamente nada. Eu não queria -no fundo- nem ao menos ser quem eu sou. Eu só queria, a admiração do meu pai; e para tê-la necessitava chegar até ele. Ele me dizia: "Eu quero que você seja mais do que eu". Segui-o passo-à-passo, cheguei até o seu nível intelectual.

E ele morreu...

Mas se ele estivesse vivo, acredito que me diria: Já que você chegou até aqui, continua.

Lis. disse...

Dialética

É claro que a vida é boa
E a alegria, a única indizível emoção
É claro que te acho linda
Em ti bendigo o amor das coisas simples
É claro que te amo
E tenho tudo para ser feliz
Mas acontece que eu sou triste...

Vinícius de Moraes.

O Árabe disse...

Boa semana! Aguardo o novo post. :)

rosa dourada/ondina azul disse...

Nesses belos voos, o amor irás agarrar !

O Lago em Junho deve estar maravilhoso !


Beijinho,

TristãoeIsolda disse...

Uma bela poesia, um imenso desejo de felicidade.

Abraço

Pena disse...

Maravilhosa Poetiza Amiga:
A sua poesia de ternura fascina, enternece e maravilha.
É um Ser Humano deslumbrante, extraordinário e perfeito.
Bem-Haja, pela preciosidade poética que concebe com magia que faz sonhar.
Parabéns de novo.
Sempre a respeitá-la e ao seu talento mágico e lindo.
"Potes" de beijinhos amigos.
Sempre a admirá-la imenso.

pena

Bem-Haja, pelo carinho constante.
MUITO OBRIGADO, linda amiga.