sexta-feira, 26 de setembro de 2008








Caminho lenta , pés descalços
Parecem cumprir uma promessa passada!
A subida é íngreme, conduz ao topo do mundo.
Sempre a caminhar
Não pode haver percalços
Para conseguir alcançar a almejada chamada
Emanada com um calor tão profundo
Que toca o corpo, esquarteja a alma.
Finalmente apática, em exagerada calma
Alcanço o impressionante destino
Sento-me estática,olhando o infinito
Confundo os pensamentos com os sentimentos
Espero...Espero a ver o que o que a voz me trás
Sinto-me tombar...Adormecer
O ser a querer renascer
Pois ao fundo acende-se a chama
E finalmente sou envolta...
Na mais profunda e espantosa Paz.




Garça Real



27 comentários:

Betty Branco Martins disse...

.querida Garça Real



assim






me




[en]caminho




de manso



para.não.acordar


o_______caminho



não




vá.ele.mudar.de.lugar



e



perder-se



.no.[in]finito


olhar____________...










beijO_____C____carinhO

ki-colado disse...

Toda paz que me traz vem de improviso
Navego os sete mares com ares de festa
E acho ternura e paz por teus olhares.

poetaeusou . . . disse...

*
ao tombar, renasci,
caminhei sem percalços,
já não espero
porque segui o destino,
alcançando finalmente,
a paz . . . em mim,
,
pilipares nocturnos, deixo,
,
*

Mário Margaride disse...

Querida Garça,

Todos nós de uma forma ou de outra, temos que percorrer o nosso caminho. Muitas vezes cheios de escolhos, e de uma densa nublusidade. Mas vale sempre a pena, conseguirmos apesar de todo este caminho, encontrarmos a paz e a serenidade que procuramos.

Um belíssimo poema!

Um excelente fim de semana!

Beijinhos doces...

Mário

Beatriz disse...

Se faz doce a paz alcançada assim, depois de um percurso percorrido com tanto empenho e esforço. Mesmo que doam os pés e o coração sangre, sabemos que ela está la no topo, à nossa espera, e esta certeza nos traz o alento necessário para prosseguir no intento.

Lindo poema, bela imagem!

Te deixo uma orquídea lilás enfeitando teu final de semana, uma estrela dourada brilhando no teu sonhar e um beijo no coração.

NOCTURNO disse...

Há uma absoluta necessidade de não mudar de rumo e continuar pelo mesmo caminho.

Apreciando os breves momentos que a vida nos oferece. Não por ser destino mas por ser a única alternativa que a vida nos oferece.

Beijo nocturno

Eärwen Tulcakelumë disse...

Doce Amiga do LAGO

Que esta paz que te envolve minha querida seja duradoura! Assim digo e desejo!
Tuas palavras refletem o desejo de renovação e com isso vais aos poucos transformando o teu ser, o teu mundo...
Abro minhas asas e te envolvo em um abraço de luz...
Teu carinho para com o meu mundo é visível no rastro de amizade que deixas e nele és bem vinda, sempre!

Pérolas incandescentes de doce paz deposito em teu coração.

Tua amiga do FOGO.

Eärwen

MEU DOCE AMOR disse...

Renasce!

Beijinho doce e bom fim de semana

Multiolhares disse...

Por vezes como a ave Fénix algo tem de morrer em nós para voltar a renascer
Puro sem mácula
beijinhos

Fragmentos de Elliana Alves disse...

Lindo mil bjs,bommmmm diaaaaaaa!!!

Eärwen Tulcakelumë disse...

Em um chuvoso domingo na terra do fogo, venho deixar no Lago uma pérola incandescente de carinho amigo para teu coração.

Eärwen

gaivota disse...

o teu lago está feliz,
caminhares descalços por aí...
lindo poema, garça
beijinhos

Gilbamar disse...

A paz para que se encontra perdida dentro de nós mesmo, como se abraçada a nossa alma.

Um belo poema tocante!

Abraços fraternos.

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Garça Real, belíssimo poema, de uma suavidade espantosa... Momentos que fazem bem a quem os lê... Os meus sinceros parabéns!!!
Beijinhos de carinho e ternura,
Fernandinha

O Profeta disse...

Inspirou-me ternura...paz...


Doce beijo

Maria Clarinda disse...

(...)Sinto-me tombar...Adormecer
O ser a querer renascer
Pois ao fundo acende-se a chama
E finalmente sou envolta...
Na mais profunda e espantosa Paz.


Mais um poema lindo e caminho contigo.
Jhs mil

O Árabe disse...

Sempre haveremos de renascer, amiga... enquanto nos restarem os sonhos! Belo visual, para belos versos. Boa semana!

tulipa disse...

AMIGA

convido-te a visitar o meu blog:
Momentos Perfeitos, pois participei num raid fotográfico e coloquei 2 das fotos que fiz.
Gostaria da tua opinião de boa fotógrafa, pode ser?

Adoro bosques e pinhais, adoro fotografar árvores.

Boa semana.
Beijinhos.

Gerlane disse...

A culminância do teu poema é belamente estonteante, poetisa!
Nada como, após um trépido vaguear, em paz se acomodar.

Uma boa semana! Beijos te deixo!

Duarte disse...

Bonito lago.
Bela ave.
Excelente música.
Extraordinário poema.

Reconhecido

Desde amigos de Portugal

Sininho disse...

Querida Garça Real, que belíssimo poema a caminho da paz! Adoro e valorizo muito a paz. É fundamental nunca perdermos a nossa paz.
Deixo-lhe aqui muitas estrelinhas cintilantes para iluminar o seu cantinho com carinho.
Boa semana com muita paz e alegria no seu coração doce.
Beijinhos carinhosos e abraço meiguinho.

Beatriz disse...

Até que um novo texto surja, deixo uma estrela para enfeitar a tua noite de delicados sonhos.

Um beijo no coração!

Carla disse...

senti o teu caminhar...até aos contornos da paz!
beijos

Paradoxos disse...

incontornável!!!

Paradoxos disse...

lindo!!!!!

Dias disse...

Pronta para recomeçar portanto, e ainda bem!

Beijo forte, desPAZado

Sunshine disse...

Que a paz alcançada, após tão longa e dura caminhada, te traga a serenidade há muito desejada ...

Bjs com muito carinho