terça-feira, 25 de setembro de 2007




Pedi-te a vida....
Pedi-te paz para alma dolorida
Pedi-te tuas cálidas mãos
Para nelas verter uma lágrima perdida,
Em busca de sonhos vãos.
Em submissão entreguei-te momentos
Braços abertos em terna dádiva
Aninhei-me neles, de amor ávida.
Noites e dias em sequência
Alma revolta em turbulência
A teus pés pedindo vida
Implorando amparo, procurando guarida.
Obrigada amor...
Pelas lágrimas que em ti verti...
Pela saudade com que de ti parti.
Abriste os braços, deste-me a esperança
Deixaste jorrar a luz que em ti procurei
Em meu coração semeaste bonança
Em doce troca ...
Por ti me apaixonei.

Garça Real







17 comentários:

Fallen Angel disse...

Um pacto de uma vida.. abençoada permuta essa. :-)

Mário Margaride disse...

Querida Garça,

Belo poema, de amor e entrega!

Gostei muito desta última parte onde dizes:

"Deixaste jorrar a luz que em ti procurei
Em meu coração semeaste bonança
Em doce troca ...
Por ti me apaixonei."

Belo...

Beijo terno...

Rui Caetano disse...

A partilha de um sentimento é o melhor que podemos nos oferecer.

rosa dourada/ondina azul disse...

O amor é uma troca constante...
Lindo o teu poema !


Beijo, com carinho

MIMO-TE disse...

Muito lindo, que bom ler poemas tão belos e positivos.

Parabens e um mimo

Reflexos da Alma disse...

Minha Querida Garça !!!

Como sempre a intensa Emoção ...

" ...Abriste os braços, deste-me a esperança
Deixaste jorrar a luz que em ti procurei
Em meu coração semeaste bonança
Em doce troca ...
Por ti me apaixonei...."

Enalteço este pedaço de poema , que em cada Palavra traduz o verdadeiro ...Momento !!!

Um Beijo Grande te Deixo !!!

multiolhares disse...

Quando a luz jorra
O amor de braços abertos
encontra a felicidade
E acontece a magia de dois seres
Que se amam

Beijinhos
luna

Sol da meia noite disse...

Pedido que fizeste com ternura, doçura... e que de igual modo foi atendido...
Sublime esta partilha!

Beijinhos!

Eärwen Tulcakelumë disse...

Minha alma se alegra sempre quando vejo o amor declamado assim.

Pérolas incandescentes de harmonia.

Eärwen

MEU DOCE AMOR disse...

:)

Beijo doce:)

Lu@r disse...

Escreves lindamente.
Gosto de te ler.

Beijo suave em ti

Maria Clarinda disse...

No Amor e na Entrega nos encontramos...belo este teu poema.
Foi bom nadar no teu Lago.
Jinhos

Dias disse...

A estas horas não te consigo "apanhar"...

Do que li, gostei muitissimo.

Do que senti, foi várias vezes diferente, entrega, sarcasmo, regressos, reconhecimento pela experiencia...

Voltarei a tentar com a Lua mas com o Sol gostei imenso, parabéns.

Beijo

*©õllyß®y disse...

A permuta no amor, é saber viver o amor na vida...

Doce beijo

Som Do Silêncio disse...

Um poema de amor sublime
Como sempre deixo-me encantar pelas tuas palavras.
Um Beijo Sereno

Lu@r disse...

Vim deixar um beijo silencioso de boa noite.

Bons sonhos

Um Momento disse...

E nas tuas palavras de paixão, mergulho eu e do teu lago bebo
Dia lindo te desejo
Beijo meu
(*)