terça-feira, 20 de novembro de 2007




A madrugada habita na noite
Na minha alma vive a escuridão
Não há luz ou brilho que se afoite
Tudo mergulhado nesta imensidão.
Espero impávida o raiar da aurora
Meu âmago sobrevive da tua ausência
Viverá sempre mergulhado nesta carência
De te ter em mim noite fora...
Dias e noites em sequência
Pensamentos vadios a flutuar
A incerteza ao ouvido a sussurrar
Na espera do dia da tua presença.
Teu olhar cerrado naquela imagem
A adivinhar meu pensamento flutuante
Teu sorriso leve e pouco exuberante
Soa-me ao ouvido em doce aragem.
Vivemos de mãos dadas a sonhar
Procurando a luz em negro infindo
Minha alma vacilante teu amor pedindo
Na esperança de te encontrar,
E finalmente... Te poder tocar.

Garça Real







49 comentários:

Mário Margaride disse...

Querida Garça

Poema triste, mas belo!

"A madrugada habita na noite
Na minha alma vive a escuridão
Não há luz ou brilho que se afoite
Tudo mergulhado nesta imensidão."

Verás que um dia. o sol iluminará a tua alma, e dará brilho à tua escuridão.

Beijinho doce...

Pena disse...

Talentosa Amiga:
O sonho e a esperança de um dia encontrar alguém vivo-o de uma forma terna, doce e linda.
Poema deslumbrante. Que arrebata e sensibiliza.
É tão pura na sua eloquência real e sentida...!!!
Parabéns! Adorei!
Com ternura e imensa amizade:
Beijinhos encantados pelo que é e representa para todos nós.

Sempre a visitá-la pela sua magia ímpar como constrói o seu extraordinário versejar.

pena

Lu@r disse...

Embora insistam que nada na vida é perfeito, aqui neste lago encontro as águas mais que perfeitas tal é a ternura reflectida nas tuas belas palavras.

Hoje foi um dia mau demais somente a luz que encontrei aqui fez sorrir o meu olhar, tens o dom de encantar com as melodias que o teu coração guarda.

Abraço-te...

Beijo profundo

Um Momento disse...

Mergulho nas tuas palavras ,
Nesta madrugada gelada
Aquecida em tais palavras
Sentindo o seu calor
Belo... Simplesmente BELO

Beijo grande... em ti
(*)

Flash disse...

A escuridão existe apenas para que nos lembremos de como é linda a luz...

Vim pela mão de uma amiga e adorei ler-te, voltarei.
Até lá, muita luz.

Arcanjo disse...

Sentado em silêncio nesta noite que se transforma em madrugada. Abraçando a escuridão e sentindo a imensa solidão.
Um beijo...meu

**Estrelademim** disse...

bom dia querida...
passei simplesmente para te deixar meu beijinho doce com toda a ternura que tenho por ti...tem um optimo dia

Lu@r disse...

Não podia começar o dia sem ler novamente este belo poema.

São palavras que tocam bem fundo.

Beijo bem longo em ti

MEU DOCE AMOR disse...

Belas palavras.Adorei.

Um beijinho doce

Reflexos da Alma disse...

Minha Querida Garça ;)

Nostalgia ,Emoção e tanto mais ...

"...Teu olhar cerrado naquela imagem
A adivinhar meu pensamento flutuante
Teu sorriso leve e pouco exuberante
Soa-me ao ouvido em doce aragem..."


Hummmmmmm ..... pois.... doce aragem essa será .... rsssss

Um Beijo Grande te deixo ;)

efeneto disse...

Silêncio, a madrugada desperta o dia, acorda-o do meio da Noite, o horizonte ganha forma sobre uma linha que separa o céu da terra. As nuvens ganham tons de cinza, restos do fogo que se prepara para surgir sob a forma de uma estrela incandescente.
Silêncio, a manhã surge, em multiplas cores, sobre o firmamento pálido de um novo dia. O ar fresco envolve as plantas que dormentes, se agitam, na brisa. As montanhas decobrem-se por entre mantos de neblina, que rasgam com as suas pontas afiladas.
Silêncio, pássaros, batem asas, mergulhando no azul claro do dia, reinventando a gravidade, numa cadência tranquila, como se estivessem pendurados por fios de côco. Deslizam, cortando o ar, penteando as penas, olhando a vida duma perspectiva divina.
Silêncio, a vida recomeça, agita-se em convulsões dramáticas do quotidiano, num mundo vazio de sonhos, cheio de falsos ideais de perfeição. As gentes falam sem se ouvir, pensam sem existir, numa amalgama de carbono contorcido.
Silêncio, ausento-me por um momento, entro e fecho a porta, sento-me na sala deste mundo que é meu, que invento, que decoro como as letras de uma canção que ainda não escrevi. Silêncio, feito de palavras que te escrevo, como directizes, um mapa secreto, que só tu sabes ler, para me encontrares, para te perderes.

[beijo molhado de chuva e amizade.]

MEU DOCE AMOR disse...

A madrugada também pode habitar num Sol brilhante,não?

A madrugada serve de inspiração,heim?

B..DA

MEU DOCE AMOR disse...

Também queria

Gui disse...

Um poema triste mas onde reside a esperança...e isso é muito bom.
Gostei deste teu poema, aliás como gosto de todos e gosto de sentir a sensibilidade da tua alma expressa na tua poesia. Um beijo minha a amiga.

C Valente disse...

"A madrugada habita na noite,"
Eu gosto da madrugada, do silencio da noite, ás vezes deprimido, mas alegre quando chega o sol
Saudações amigas com beijo

poetaeusou . . . disse...

*
soa-me ao ouvido
em doce aragem,
*
lindo
*
xi
*

MIMO-TE disse...

Escreves maravilhosamente! Linda, gosto tanto de te ler!:) Mesmo quando é um pouco triste, como é o caso.

Deixo-te muito mimos

MEU DOCE AMOR disse...

Agora é madrugada.

Beijito

lua prateada disse...

Na esperança de te encontrar
E finalmente...Te poder tocar.
Triste mas lindo...sao nossos sentimentos aa nos guiar...Beijinho prateado
SOL

Porque Te Amo disse...

há mt que já nao descansava no teu lago... o meu não se calou... mas não posso deixar que o som saia da caixa mágica...

vou voltar aqui... prometo ;)

bj

Sol da meia noite disse...

Espera e esperança com tristeza e incerteza à mistura...
Ao ler-te, visualizei um trilho com muitas pedras... uma a uma vai-as retirando, caminha sempre firme e verás que valeu a pena...

Beijinhos

Um Momento disse...

Aqui passo
Na esperança de te encontrar
Te sopro um beijo
Que ao teu coração vá tocar:))
Dia muito lindo desejo

Beijo grande

(*)

C Valente disse...

Passei e desejo uma boa noite
Saudações amigas

rosa dourada/ondina azul disse...

E de madrugada visito o real lago e a bela garça o está a habitar!

Beijinho amiga,

Maria disse...

vim banhar-me no lago :)tao bom....vou cm a alma cheia!beijinho grande

MEU DOCE AMOR disse...

Um beijo doce

:)

Maria Clarinda disse...

Como foi bom depois deste regresso em que a saudade já impera, banhar-me no teu lago, e aqui ficar ouvindo a tua música e ler os teus poemas lindos.
Jinhos mil

Pena disse...

Querida Amiga:
A madragudada, a sua madrugada, abraça a noite e abraça-a. Com carinho. Com atenção. Com encanto.
É real.
Beijinhos de amizade e estima. Muitos!
Um Bem-Haja pela maravilhosa e brilhante poetisa que é.
Excelente versejar. Lindo. Puro.
Votos de bom fim-de-semana.
O eterno e assíduo leitor deliciado.

pena

Fallen Angel disse...

Não o considero triste.. é um poema de espera.. mas pleno de esperança.

E ternura. Muita ternura. *

Um Momento disse...

E aqui passo nesta soalheira manhã
Sorrindo-te,e desejando um lindo fim de semana iluminado e cheio de cor
Beijo grande...em ti

(*)

efeneto disse...

No silêncio compacto
das sete da manhã
assustei os pardais
para ver nascer o sol.
Na rocha onde me sentei
a brisa de nordeste
castigou-me o tronco nu
mas ali fiquei
até o grito me surpreender.

Porque me vieste ver
círculo alaranjado
até te tornares branco??
Já sei,
para me lembrares que está na hora,
de desejar um bom fim de semana aos amigos


[das terras do Dão, expessamente para o Lagoreal, um ramo de beijos e palavras. Sem as gotas de chuva mas com um frio de rachar (risos).]

MEU DOCE AMOR disse...

Pois...

bom dia

markus disse...

A seguir a todas as noites há um dia, só temos de ter a paz de espirito necessária para poder ver a luz de novo...
Palvras bonitas as tuas.
"Decidir é preciso!... Mais vale decidir e errar, do que não decidir!...".
Bom fds***

U Ó Mãe Que Dava Pulos disse...

Amôr sem solidão existe?
Talvez sim...
Beijinho

C Valente disse...

Bom fim de semana
Saudações amigas com um beijo

São disse...

Mais alegria, Garça...
Tristeza nada resolve!
Quer passar por lá, com alguma urgência? Obrigada!
E força!!...

rosa dourada/ondina azul disse...

Querida garça o anoitecer no lago já deve estar muito fresquinho.

Agasalha-te bem nesses belos passeios pelas margens !

Beijinho,

PoesiaMGD disse...

Belo, muito belo!
Um abraço


http://www.escritartes.com/forum/index.php?referredby=3

PREOCUPAÇÕESQUASEDIÁRIAS disse...

Passei para deixar um beijo de bom fim de semana

Mário Margaride disse...

Querida Garça
Passo, para reler este belo poema, e desejar-te um excelente fim de semana!

Beijo doce...

lua prateada disse...

Amiga ,na calada da noite, devagarinho, de mansinho, Aqui entro em teu ninjho, para te desejar um querido fim de semana,Beijinho prateado
SOL

Fernanda e Poemas disse...

Olá amiga, passei para deixar-te beijinhos e desejar-te um bom fim de semana.
Fernandinha

Um Momento disse...

De sorriso leve aqui mergulho
Para te desejar um bom fim de semana
Com um grande sorriso meu
Te sopro um beijo grande:)))

(*)

Dreamaster disse...

Venho desejar-te mais um FDS quentinho :)

Bjs
D.


PS: Tenho uma proposta pra ti.

rosa dourada/ondina azul disse...

E por aqui passando, te visito ao anoitecer ...


Beijinho,

Alice Matos disse...

Lindo!!!!!!
Amei...

Hoje é um dia especial...

"Aqui fica a minha solidariedade para com todos aqueles que sofrem, no corpo ou na mente, da violência dos que se julgam muito fortes mas não passam de reles cobardes..."

Beijo...

efeneto disse...

Uma boa semana. Acorde de manha, e logo verá o seu dia começar da melhor maneira.Dão bom tempo para a região da nossa alma. É aproveitar...beijito quente das terras do frio.

Lu@r disse...

Pudesse o meu olhar
ser a razão
dos teus versos.

Essa sensação
que provoca a fria dor
invade o meu interior.

Abriste asas
e voas-te em direcção
à luz do sol.

Resta-me a frágil luz...

Beijo Nocturno

Dias disse...

Porra miuda... poderoso!
Gosto, gosto muito mesmo! Identifico-me, sobrevivi-lhe e isso é viver.
Beijo muito forte
*